Folia de Reis em Presidente Olegário-MG

Em uma iniciativa da Estilo Nacional, com apoio da Prefeitura Municipal de Presidente Olegário e o Conselho Municipal do Patrimônio Artístico, Histórico e Cultural de Presidente Olegário, foi desenvolvido um projeto cultural cujo objetivo seria explorar e registrar as manifestações tradicionais da folia de Reis em um vasto território municipal localizado no Noroeste de Minas Gerais.

Folia de Reis em Presidente Olegário

Bandeira da Folia Tiririca e Tomazinho

Apresentado ao Ministério da Cultura em 2008, o projeto foi aprovado junto à Lei Rouanet em Setembro de 2009. Uma vez apto a captar recursos, foi inscrito no “Programa Sistema Eletrobrás de Cultura”, em seu Edital 2010, tendo sido aprovado em primeiro lugar na categoria “Fomento ao Patrimônio Imaterial / Difusão de manifestações culturais tradicionais”.

Em Outubro de 2010 os técnicos da Estilo Nacional iriam a campo pela primeira vez, divididos em duas equipes, para realizar uma pesquisa exploratória dos grupos de Folia de Reis por lá existentes. A tarefa se mostrou um grande desafio, dada a extensão territorial a ser conhecida. Não muito diferente da maioria dos municípios do Noroeste de Minas Gerais, suas divisas superam as dimensões de países como Samoa e Luxemburgo.

Uma vez identificados os 31 grupos existentes, pesquisadores locais foram recrutados para aplicarem na população questionários qualitativos. Foram entrevistados moradores da cidade de Presidente Olegário, das vilas de Ponte Firme, Galena e Santiago de Minas, além dos povoados e/ou localidades de Taboca, Bela Vista, Piçarrão, Saltador, Vargem Grande, Andrequicé, Barreiro dos Veados, Charco, Cruzeiro da Prata, Lobo e Ilha Grande.

Compilados os dados, foram selecionados oito grupos representativos que seriam acompanhados no Ciclo Natalino 2010, durante o tradicional “giro”.

Em Dezembro de 2010 a equipe técnica na Estilo Nacional retorna a campo, chegando em Presidente Olegário em pleno dia 24/12/2010. Superados intempéries e diversos contra-tempos, foram registradas as folias “Tiririca e Tomazinho”, “Capim Branco”, “Vicentina”, “Campos”, “Galena (do Eli)”, “Vargem Grande” e “Jacaré do Prata”. Em Fevereiro de 2011 parte da equipe visita a cidade mais uma vez, desta vez para registrar o “Encontrão das Folias”, realizado na Sociedade de São Vicente de Paulo de Presidente Olegário.

Como produtos, o projeto incluiu a produção de um dossiê de registro, um vídeo de curta duração, um catálogo e um site, e objetivou promover a “Folia de Reis em Presidente Olegário” como um instrumento de desenvolvimento social, cultural e turístico municipal.

EQUIPE:
Coordenadores: Arq. Eduardo Alvim e Arq. Marílis Mendes
Antropólogo: Marcos Martins
Historiadores: Flávia Klausing e Bruno Rangel
Arquiteta e Urbanista: Priscila Mourão
Estagiária de História: Júlia Faria
Revisão e Redação: Camila Reis
Fotografia: Eduardo Costa
Cinegrafia, Produção e Edição: Leo Horta
Áudio: Flávia Cunha
Designer: Fabiana Horta

REALIZAÇÃO:
Ministério da Cultura
Estilo Nacional
Agência Uai

APOIO:
Prefeitura Municipal de Presidente Olegário
Conselho Municipal do Patrimônio Artístico, Histórico e Cultural de Presidente Olegário

PATROCÍNIO:
Eletrobras Furnas

ANO DO PROJETO:
2010/2011

Produtos: